Moda para mulheres com curvas

curves

Por Fernanda Damy

Sabemos que a moda – por mais bem-intencionada que seja – raramente pensa na mulher real na hora de fazer suas roupas. Com exceção de algumas marcas que já pensam neste público, a mulher que não veste manequim 36 rala e muito para encontrar boas peças que tenham uma modelagem generosa e adequada para corpos de verdade. A moda para mulheres com curvas pode ser adaptada e ficar muito, muito interessante! Veja aqui nossas dicas de como usar a roupa a seu favor – e realçar o que você tem de melhor.

Sobreposições

Um dos recursos mais gostosos de usar, pois nos faz colocar a cabeça para funcionar. Pense o seguinte: qual área do corpo você quer valorizar? Escolha para ela uma peça de destaque, de bom corte, e “apague” o resto do look. Use este recurso não só nos dias de clima instável, mas para criar uma silhueta que a favoreça mais. Caso você concentre seu peso em barriga e busto, evite usar golas fechadas, cachecóis e colares muito grudados no pescoço. Quanto mais linhas verticais nessa região você tiver, mais alongada ficará – e tudo o que alonga, também afina. Pense sempre em cardigãs mais compridinhos, colares fininhos e compridos, jaquetas com fechamento de zíper, e deixe sempre um pouco do colo à mostra: além de ser bonito, não deixa você “soterrada” nas roupas. Cabelos presos também são uma ótima opção: deixar o pescoço à mostra alonga que é uma beleza!

curves1

Cores

Excelente recurso para aumentar ou diminuir alguma parte do corpo. Por exemplo, se você concentra todo o seu peso na região do abdômen e dos quadris, pode deixá-los visualmente mais magrinhos optando por peças mais escuras, como marinho, cinza e preto, e equilibrar essa proporção com uma jaqueta mais clara. Esse jogo de cores é super interessante e funciona. A regra é: cor escura diminui visualmente e cores claras aumentam visualmente. Por isso que dizem que preto emagrece.

curves2

Formato das peças

Sempre que pensamos num look ideal em consultoria de imagem, consideramos as proporções do corpo de cada cliente. Por exemplo: se ela tem os quadris muito largos e a cintura fina, equilibramos visualmente a proporção de seu corpo apostando em peças como uma calça flare (tipo boca de sino, se usa muito hoje em dia), uma saia longa e reta, tecidos mais molinhos que não marquem os quadris. Se ela for alta, podemos também deixar os quadris mais marcados com uma saia lápis, por exemplo, mas investir numa blusa que aumente visualmente os ombros, com elementos como um decote canoa, detalhes nos ombros etc. Saber quais peças te deixam mais uniforme é bem bacana para ajudá-la nas escolhas do dia a dia e em futuras compras.

curves3

FernandaDamy

 
 
 
 
 
 
 
 
 

TAGS:

0
Compartilhe esse post:
Deixe seu comentário